Sejam Bem-vindos
ao nosso Portal de
Notícias

Como abandonar o vício de fumar pode melhorar a qualidade de vida dos idosos?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o tabagismo é a causa de morte mais evitável do mundo. O tabaco é o responsável por aproximadamente 65% das mortes relacionadas às doenças crônicas não transmissíveis. 

O consumo excessivo do cigarro mata milhões de pessoas todos os anos e ainda desfavorece a longevidade, trazendo à tona o surgimento de diversas doenças.

Claro que abandonar um vício não é nada fácil para ninguém, mas ao conhecer todos os benefícios nós temos certeza de que você irá pensar melhor sobre essa decisão.

“Mesmo já sendo idosa, a pessoa que deixa de fumar se beneficiará de melhora na sua qualidade de vida. O uso do tabaco está relacionado com o agravamento de várias doenças que podem surgir com o avanço da idade, como as doenças cardiovasculares”, afirma a psicóloga Vera Borges, da Divisão de Controle do Tabagismo do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca).

Vera também destaca que grande parte dos idosos fumantes possuem o desejo de largar o seu vício, porém devido ao fato de terem sido tabagistas por muitos anos eles acabam desenvolvendo a dependência do tabaco, o que dificulta muito a decisão de largar o cigarro para levar uma vida mais saudável.“Um dos fatores que mais contribui para o idoso parar de fumar é o surgimento de doenças ocasionadas pelo uso de tabaco ao longo da vida”, completa.

As principais doenças que atingem os idoso fumantes são: enfisema pulmonar, bronquite e gripes que podem levar à pneumonia.

De acordo com a psicóloga. “O tabagismo é uma dependência química que, além de ser uma doença por si só, produz outras doenças, aumentando as chances de câncer, doenças cardiovasculares, pulmonares, dentre outras. Quanto mais cedo o tabagista parar de fumar, mais saúde ele terá, e, ao mesmo tempo, menos riscos de contrair doenças ocasionadas pelo tabaco”.

Você também pode gostar de: Saiba como prevenir doenças respiratórias em idosos no outono!

A relação entre a terceira idade e o tabagismo 

Vera diz que devido a fragilidade física, os medos e incertezas da pessoa idosa. “É preciso considerar que o tabaco ocupou um espaço grande demais na vida dessa pessoa, e que ela terá dificuldades importantes para estabelecer outro padrão, criar uma rotina em sua vida que não inclua o cigarro”.

Sendo assim, é muito importante que o idoso seja compreendido e motivado. Conhecer os benefícios de largar o cigarro pode ser uma ótima motivação. Descubra os principais:

  • Normalização da pressão arterial;
  • Queda de até 50% nos níveis de nicotina e monóxido de carbono na corrente sanguínea;
  • Normalização da oxigenação do sangue;
  • Melhora no olfato e paladar;
  • Redução dos risco de derrame e infarto.

Se você pretende abandonar o vício ou convive com um idoso fumante, é muito importante que você busque um médico e até mesmo um psicólogo para apoiar essa decisão e dar todo o suporte necessário.

Aqui na Lótus, nossos profissionais estão prontos para apoiar e ajudar os nossos pacientes durante essa caminhada. Venha nos conhecer!

Referência:

https://www.saude.rj.gov.br/atividade-na-terceira-idade/noticias/2018/05/deixar-de-fumar-melhora-a-qualidade-de-vida-dos-idosos

https://saudebrasil.saude.gov.br/eu-quero-parar-de-fumar/deixar-de-fumar-na-velhice-melhor-qualidade-e-expectativa-de-vida

Portal de Notícias Lótus