Sejam Bem-vindos
ao nosso Portal de
Notícias

Saiba quais são os cuidados com o uso de medicamentos em idosos!

Hoje estamos comemorando o Dia Nacional do Uso Racional de Medicamento!

Por isso, hoje estamos aqui para te ajudar a saber quais são os cuidados que você deve tomar ao lidar com a medicação da pessoa idosa.

Grande parte das pessoas idosas precisam consumir diariamente diversos medicamentos, o que é normal devido ao envelhecimento do corpo, sendo assim é comum que ocorra algumas confusões e administração incorreta.

Porém, todo medicamento deve ser usado conforme o indicado pelo médico, para que ele realmente cumpra com a sua função. 

Como medicar corretamente a pessoa idosa

Quando se trata de idosos, não temos espaço para erros, já que esses medicamentos são essenciais para que eles se mantenham saudáveis, com qualidade de vida e com a saúde em dia.

Para que o medicamento cumpra com a sua função é necessário administrá-lo corretamente, respeitando o espaço de tempo que foi indicado pelo médico.

Para organizar melhor os horários e não esquecer nenhum medicamento, você pode por exemplo, organizar caixas com os medicamentos que devem ser consumidos ao acordar, antes ou após o almoço e antes de dormir.

Pode ser preciso ainda o uso de lembretes no celular, para que o idoso ou o cuidador não se esqueçam do medicamento.

Além disso, é fundamental respeitar o tempo de tratamento, é normal que ao se sentir bem o idoso queira parar com a medicamentos, mas isso não pode acontecer sem ordem médica.

Por isso, esteja sempre de olho para ver se todos os medicamentos estão sendo tomados.

Caso o idoso esteja se sentindo mal após tomar o remédio, procure o médico que restou tal medicamento e consulte a possibilidade de ajustar a dose ou trocar o medicamento, jamais faça isso sozinho.

Acompanhamento familiar

É importante que o idoso seja sempre acompanhado por um familiar ou cuidador, porque assim sempre haverá alguém para tirar as dúvidas do idoso quanto a medicação e também alguém para lembrá-lo. É importante que o acompanhante anote as seguintes informações:

  • Estado de saúde do idoso;
  • Todas a medicações prescritas;
  • Para qual doença serve;
  • Qual a dose correta;
  • Durante quanto tempo o medicamento deve ser tomado;
  • Quais são os efeitos colaterais;
  • Interações medicamentosas;
  • Como e quando devem ser tomados.

A importância do papel do paciente e dos seus familiares quanto ao uso correto da medicação.

O envelhecimento não precisa ser sinônimo de incapacidade, mas para isso é importante que o idoso se sinta útil. Assim, a família ou o cuidado deve sempre estimular que o idoso assuma algumas responsabilidades quando for possível, como cuidar da horta ou alimentar seu animalzinho, mas sempre sob supervisão.

Alguns fatores podem dificultar a realização de atividades simples, como tomar a medicação corretamente, eles são:

  • Diminuição ou perda auditiva;
  • Visão prejudicada;
  • Déficit cognitivo, como dificuldade de seguir orientações e memória de curto prazo reduzida;
  • Limitações financeiras;
  • Dificuldades motoras.

Nesses casos, é realmente necessário que alguém fique responsável por dar a medicação ao idoso.

Precisa de ajuda para cuidar corretamente do seu ente-querido? Conheça os nossos serviços de atendimento domiciliar!

Referências:

Cuidados e Atenção para o Uso de medicamentos por Idosos podem garantir mais efetividade e segurança | InformaSUS-UFSCar

Cuidados a ter com a toma de medicamentos em idosos (vidaativa.pt)

Portal de Notícias Lótus